Vitamina C: Benefícios e Alimentos que a Contém

4
17859
Vitamina C

Um dos nutrientes mais reconhecidos devido aos benefícios que oferece à nossa saúde, a vitamina C é um verdadeiro fortalecedor do sistema imunológico, tendo seu consumo altamente indicado, principalmente durante os períodos frios. Além de sua contribuição no combate de gripes e resfriados, esta importante vitamina potencializa a nossa saúde graças ao seu efeito antioxidante. Outros benefícios oferecidos pela vitamina C são o seu auxílio para a perda de peso e na obtenção de massa muscular. Deste modo, a venda de suplementos de vitamina C é grande, apesar do consumo do complexo vitamínico não ser necessário para a maior parte das pessoas.

Quando há deficiência de vitamina C no organismo, os sintomas podem variar de acordo com sua privação, bem como a intensidade da mesma. Os primeiros sintomas da deficiência de vitamina C são a fraqueza muscular e anemia, já que a vitamina contribui para a absorção de ferro de maneira significativa. O nosso sistema imunológico enfraquece, e doenças como resfriados e gripem tornam-se mais frequentes e fortes. Nossos cabelos perdem beleza, já que tornam-se quebradiços, fracos e secos, bem como a nossa pele, que resseca e sofre rachaduras. Outros efeitos da privação de vitamina C são as dores nas articulações, aumento de fraqueza, aumento do mau humor e muito cansaço. Quando privamos nosso organismo de vitamina C de forma mais severa, há o surgimento de sangramentos nas gengivas, bem como o surgimento de feridas que nunca cicatrizam, podendo inclusive levar à perda dos dentes.

vitamina-c-faz-bem

A seguir, conheça mais sobre os benefícios garantidos pelo consumo da vitamina C:

Benefícios da Vitamina C

É fonte de propriedades antioxidantes: por ser um poderoso antioxidante, a vitamina C é fonte de diversas propriedades benéficas à saúde. A vitamina C proporciona, por exemplo, a diminuição e a neutralização dos efeitos que os radicais livres, produzidos naturalmente pelo nosso organismo e causadores de diversos problemas estruturais, muitas vezes responsáveis pelo surgimento das chamadas doenças crônicas e doenças degenerativas, como o mal de Alzheimer e o câncer.

Nos protege das doenças cardiovasculares: como visto anteriormente, a vitamina C desempenha diversas funções antioxidantes, o que faz dela um ótimo combatente do colesterol que se acumula nas artérias. Outros benefícios garantidos pelo consumo da vitamina é o combate e/ou alívio de doenças como hipertensão arterial e arteriosclerose. Quando consumida de maneira saudável, a vitamina C é capaz de diminuir os riscos do surgimento das doenças cardiovasculares, como o infarto do miocárdio, de maneira drástica.

Beneficia a saúde dos olhos: constantemente atacados pelos radicais livres por estarem constantemente expostos à luz intensa, os olhos são beneficiados pela vitamina C, que garante a eles uma proteção especial, já que a vitamina C é fonte de antioxidantes que nos protegem da catarata e outras doenças.

Beneficia as unhas, pele e cabelos: os efeitos antioxidantes da vitamina C também favorecem a nossa beleza, já que eles são capazes de combater os efeitos do envelhecimento, especialmente da nossa pele. O consumo saudável de vitamina C retarda o envelhecimento da pele, contribuindo para que as rugas levem mais tempo para que surjam. Outro benefício garantido pela vitamina C em relação à pele, unhas e cabelos é o seu poder de contribuir para a produção do colágeno. Além disso, a vitamina C produz proteínas que são importantes para a beleza dos nossos cabelos e unhas.

Contribui para o sistema imunológico: talvez o benefício mais conhecido da vitamina C seja o seu efeito de proteção e manutenção do nosso sistema imunológico. Entretanto, apesar da vitamina C ser altamente recomendada para aqueles que estão sofrendo de gripes e resfriados, já que ela contribui para o alívio destas doenças, o sistema imunológico é melhor beneficiado quando o consumo da vitamina C é feito de maneira regular.

É capaz de combater os efeitos do estresse: outro benefício creditado à vitamina C é sua capacidade de diminuir os níveis do cortisol, o hormônio que sofre estimulação quando estamos estressados e o grande responsável pelos efeitos nocivos desta condição. Deste modo, as consequências prejudiciais do estresse podem sofrer alívio com o consumo de vitamina C.

Ajuda o metabolismo a se manter regulado: diversos aspectos metabólicos, como o controle dos níveis de glicose no sangue e a absorção do ferro são beneficiados pelo consumo regular de vitamina C, já que esta é um grande colaborador para que o níveis de tais nutrientes se mantenham saudáveis, beneficiando aqueles que sofrem de diabetes e anemia. Quando baixos, os níveis de glicose no sangue contribuem para a perda de peso, já que o nosso corpo passa a consumir mais gorduras para obtenção de energia. Quando baixos, estes níveis ainda evitam que a insulina, um hormônio responsável pelo acúmulo de gordura, seja produzida de maneira excessiva.

Contribui para a queima de gordura: dentre os diversos benefícios da vitamina C, podemos destacar a sua contribuição para a perda de peso, já que indivíduos que possuem bons níveis da vitamina são capazes de queimar mais gordura quando praticam atividades físicas. Evidências ainda apontam que a deficiência de vitamina C no organismo é capaz de dificultar a queima da gordura abdominal, talvez a mais difícil de se eliminar, e também a mais perigosa à saúde. Porém, não podemos afirmar que a vitamina C sozinha é capaz de queimar gordura e proporcionar a perda de peso, e sim que ela é um facilitador, desde que associada à prática regular de atividades físicas e à uma dieta saudável e equilibrada.

fontes-de-vitamina-c

Contribui para a formação de massa muscular: a formação de massa muscular é beneficiada pela vitamina C, quando esta é consumida de forma saudável. Isto é possível devido às funções antioxidantes que ela desempenha, protegendo os nossos músculos dos chamados radicais livres, liberados após os treinos de musculação em grandes quantidades. Além disso, a vitamina C contribui para que as dores musculares diminuam após os treinos, possibilitando maior conforto aos praticantes de tal atividade. Outro benefício garantido pela vitamina C em relação ao de ganho de massa muscular é o fato dela diminuir os níveis do Cortisol, colaborando assim para que os níveis de Testosterona aumentem. Porém, a vitamina C deve ser consumida com moderação, já que em altos níveis ela pode atrapalhar na performance dos treinos.

Fontes de Vitamina C

A vitamina C é encontrada em diversos alimentos, sendo as fontes mais famosas as frutas cítricas, como o limão, a laranja e o abacaxi. Entretanto, há muitos outros alimentos que oferecem vitamina C, como o tomate, a abóbora moranga, a manga, o kiwi, a goiaba, o mamão, a amora, a amalaki, a acerola, o morango e a melancia. Além destas frutas, são fontes de vitamina C vegetais como a couve-flor, a couve-de-bruxelas e o brócolis, bem como o pimentão verde, o pimentão vermelho, o espinafre, o repolho e a batata.

Conheça também as vitaminas: B, K2, E, B3, B6, B5, B9 e A.

O que as vitaminas fazem em você

Considerações finais

Não há nenhuma vitamina de bala de prata, mineral ou nutriente. Comer uma dieta variada e rica em todos os nutrientes é a melhor estratégia para uma boa saúde.

Tome um multivitamínico diário, porque a maioria das pessoas não se farta de vários nutrientes. E se você quiser combater resfriados e gripe, lave suas mãos com mais frequência.

Referências

The Benefits of Vitamin C
https://www.webmd.com/diet/features/the-benefits-of-vitamin-c
Escrito por Kathleen M. Zelman, MPH, RD, LD

Mark A. Moyad, MD, MPH, senior research associate and Phil F. Jenkins Director, Complementary and Alternative Medicine, University of Michigan Urology Center.

Phyo K. Myint, MRCP, department of public health, University of Cambridge, England.

Dee Sandquist, MS, RD, director, Center for Weight Management, Southwest Washington Medical Center; spokeswoman, American Dietetic Association.

U.S. Department of Agriculture 2005 US Dietary Guidelines. Seminars in Preventive and Alternative Medicine (1) Sept, 24, 2007; 3-1; pp 25-35).

Myint, P.K., American Journal of Clinical Nutrition, January 2008; vol 87: pp 64-69.

American Journal of Public Health, May 2004; vol 94: pp 870-875.

Jeffrey S Hampl, PhD, RD; Christopher A. Taylor, PhD, RD; and Carol S. Johnston, PhD, RD, Vitamin C Deficiency and Depletion in the United States: The Third National Health and Nutrition Examination Survey, 1988 to 1994.

American Journal of Clinical Nutrition, October 2020

Vitamin C in Dermatology, Indian Dermatol Online J. 2013 Apr-Jun; 4(2): 143–146.

Bettina Moritz, Ariana E.Schmitz, Ana Lúcia S.Rodrigues, Alcir L.Dafre, Mauricio P.Cunha, “The role of vitamin C in stress-related disorders,” The Journal of Nutritional Biochemistry, Volume 85, November 2020, 108459

American Heart Association: Fruits and Vegetables Serving Sizes Infographic

RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES
Receba nossos novos artigos em seu e-mail e fique sempre informado, é grátis!

4 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta